Egressa da Toledo Prudente é aprovada em mestrado no México

27 | 08 | 2020
Mariane Peres
Mariane Peres

A egressa do curso de Direito da Toledo Prudente, Beatriz Ferruzzi Rebes, formada no segundo semestre de 2019, foi aprovada no programa de mestrado da Universidade Autônoma de Chiapas, no México. O mestrado, com duração de dois anos, trará o aprofundamento em pesquisas relacionadas à defesa dos Direitos Humanos. 

O MDDH (Maestría em Defensa de los Derechos Humanos) é um programa que, além de pesquisas, possui ações práticas, proporcionando que os estudantes tenham contato e desenvolvam estratégias de defesa para casos reais de violação de direitos humanos.

A conquista foi resultado de outros trabalhos internacionais produzidos pela profissional junto a professores do Centro Universitário. “Esse ano, após participar de um evento organizado pela Associação Mundial de Justiça Constitucional, que também ocorreu no México, apresentei um trabalho junto com o professor Marcus Vinicius Aquotti. Foi então que um representante do MDDH entrou em contato comigo e perguntou se eu tinha interesse em participar do processo seletivo para estudar o mestrado e, inclusive, receber uma bolsa”, contou. 

LEIA TAMBÉM 
Toledo Prudente lança e-book com Protocolo de Retomada 
Direito: Criminologia e Heavy Metal são temas de livro

De acordo com Beatriz, egressa do curso de Direito da Toledo Prudente, o processo seletivo foi bem extenso, sendo necessário o envio de um pré-projeto de pesquisa, além da participação, de cerca de duas semanas, em entrevistas e avaliações orais online com professores do programa. 

Segundo ela, o incentivo que a Toledo Prudente oferece aos alunos, para que se dediquem à pesquisa e à produção científica, juntamente com as orientações dos professores, contribuem com as conquistas positivas. 

“Ter a oportunidade de receber uma bolsa para cursar um mestrado internacional em uma instituição como a Universidade Autônoma de Chiapas, que assim como a Toledo Prudente, possui tanta tradição no estudo dos Direitos Humanos será, com certeza, um grande diferencial para minha carreira”, pontuou. 

O mestrado é presencial, entretanto, devido à pandemia do novo coronavírus, as primeiras aulas, com início em 1º de setembro deste ano, serão online.