Lixo eletrônico é transformado em decoração natalina

18 | 11 | 2011
Assessoria de Comunicação Toledo Prudente
Assessoria de Comunicação Toledo Prudente

Monitores de computadores. Pilhas. Baterias. Todos sabem que desde meados de agosto, a Toledo Presidente Prudente tornou-se ponto fixo de recolhimento destes materiais que são descartados diariamente. Até o momento, mais de 7,5 toneladas de detritos já foram recolhidos por meio dos pontos fixos e mutirões realizados com a participação de alunos do curso de Sistemas de Informação da Toledo.

Pensando em fortalecer a ideia do Projeto Reuse Reduza Recicle, a Toledo Presidente Prudente inova e traz em sua decoração natalina deste ano, materiais como mouses, cabos de rede e aparelhos celulares que transformam-se em guirlandas que agora enfeitam as dependências administrativas e acadêmicas da Toledo Presidente Prudente.

“Neste ano, com o objetivo de reforçar a nossa campanha de recolhimento do lixo eletrônico, alguns itens recolhidos transformaram-se em decoração para mostrar que estes materiais podem fazer parte de uma campanha natalina, porém, com a promoção de uma conscientização ambiental”, explica a coordenadora da campanha Reuse, Reduza e Recicle da Toledo, Melissa Zanatta, que é professora do curso de Sistemas de Informação.

Também no hall de entrada, a árvore de Natal montada anualmente deu espaço a uma especial, feita com telas de computadores em funcionamento, que após, serão encaminhados para reciclagem.

“Aproveitamos também para passar algumas mensagens aos nossos professores, colaboradores, alunos e visitantes, pois nestas telas são exibidos durante todo o tempo vídeos institucionais que abordam mensagens relativas aos 50 anos da Toledo, além de telas com fotos de momentos marcantes neste cinquentenário da instituição”, enfatiza a diretora administrativa da Toledo, Maria Inês de Toledo Pennacchi Amaral.

Consciência tecnológica, porém ambiental – Segundo a ONU (Organização das Nações Unidas), estima-se que no mundo, 40 milhões de toneladas de lixo eletrônico são geradas por ano.

Já o Brasil abandona mais de 95 mil toneladas métricas de computadores anualmente e dados como este fazem do País, o campeão entre os emergentes por gerar maior quantidade de lixo eletrônico anualmente. Entre as soluções, a ONU solicita a implantação de tecnologias para a reciclagem e reuso dos componentes descartados.

Reuse, Reduza, Recicle – Lembrando que as pessoas que possuem TVs, aparelhos de som, fios, baterias, pilhas e outros componentes eletrônicos sem utilização, podem continuar trazendo os itens  até a Toledo Presidente Prudente.

São três tambores destinados ao recolhimento destes materiais, que serão posteriormente reciclados pela empresa Corel Gerenciamento de Resíduos. Para 2012, a Toledo está estruturando novos mutirões de lixo eletrônico em bairros diferentes de Presidente Prudente.

ASSUNTOS
RELACIONADOS