Mais de 60 publicações são aprovadas

15 | 08 | 2014
Assessoria de Comunicação Toledo Prudente
Assessoria de Comunicação Toledo Prudente
A Toledo Prudente conta com 61 publicações que integrarão o IV Simpósio Internacional de Análise Crítica do Direito da Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP). São 43 artigos aprovados, porém totalizam 61 publicações, porque alguns professores escreveram em co-autoria com alunos. 
 
O evento que acontecerá de 4 a 6 de setembro em Jacarezinho (PR) abordará Sistema Constitucional de Garantia de Direitos; Violência e Criminologia; Responsabilidade do Estado; Função Política do Processo e Hermenêutica Constitucional e estará presente no último dia para realizar uma conferência, Eduardo Andrés Velandia Canosa, presidente da Associacion Mundial de Justicia Constitucional.
 
O coordenador do curso de Direito da Toledo Prudente, Sérgio Tibiriçá Amaral, ressalta que o alto número de trabalhos aprovados demonstra o elevado nível dos artigos em um evento que é organizado pelos programas de pós-graduação Stricto Sensu em Direito da UENP e Instituição Toledo de Ensino de Bauru, o Programa de Mestrado e Doutorado da Universidade de Múrcia e, ainda, a Toledo Prudente.
 

“A Universidade de Múrcia é conceituada em algumas áreas na Espanha, como Constitucional, Penal e Urbanístico e o aluno estuda um tema mais aprofundado e produz conhecimento, ou seja, é personagem ativo no processo de ensino de aprendizado. Além disso, melhora seu currículo com um evento internacional de altíssimo nível”, assegura.
 
Vinícius Marin Cancian (foto), aluno do 8º termo do curso de Direito da Toledo Prudente teve o artigo “Assédio Moral: modalidades e aviltação à dignidade da pessoa humana”, escrito em co-autoria com o professor Sandro Marcos Godoy aprovado para participar do IV Simpósio Internacional de Análise Crítica do Direito da Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP). 
 
“Estou muito satisfeito com essa aprovação, porque isso é o reconhecimento do trabalho feito e agora poderei defendê-lo e, ainda, trocar experiências sobre o tema que escolhi pra escrever”, comenta.
 
A professora do curso de Direito da Toledo, Gisele Beltrami Marcato, afirma que o alto número de publicações tem grande relevância, pois ele é demonstra o reconhecimento entre pesquisadores e suas respectivas comunidades acadêmicas.
 
“Isso é reflexo do investimento da Toledo Prudente na pesquisa científica e demonstra a preocupação da instituição com a formação de seus alunos”, finaliza.
 

ASSUNTOS
RELACIONADOS