Pesquisa aponta alta no preço de materiais escolares

26 | 01 | 2012
Assessoria de Comunicação Toledo Prudente
Assessoria de Comunicação Toledo Prudente

A Empresa Júnior Toledo realizou nos dia 18 e 19 de Janeiro de 2012 a pesquisa de preços de Material escolar em nove estabelecimentos de Presidente Prudente.

A pesquisa foi dividida em cinco grupos: Lápis/Canetas; Réguas; Cadernos; Cartolinas/Papéis e Diversos.

Em relação ao ano anterior, a lista de material escolar apresentou uma alta de 0,56%, ficando abaixo do Índice oficial de inflação IPCA-15, que atingiu 6,44% no período. 

Apesar da quase estabilidade dos preços considerando a lista completa, o grupo de réguas apresentou alta expressiva com uma variação de 49,48% com relação ao ano anterior, o item com maior elevação de preço foi o Transferidor 180 Graus Acrimet com 82,61%, sendo encontrado na pesquisa de 2011 pelo preço médio de R$ 1,29 e neste ano pelo preço médio de R$ 2,36.

O grupo que obteve a maior queda nos preços foi o Grupo Cartolina e Papéis, apontando uma queda de 9,56%.

Analisando item por item, encontram-se grandes diferenças entre o maior e o menor preço praticado pelos estabelecimentos, pois se o consumidor comprasse uma unidade de cada produto pelo maior preço, ele gastaria R$ 918,77, porém se efetuasse a compra dos produtos pelo menor preço de cada item, desembolsaria o valor de R$ 614,71, tendo uma economia de 49,46%.

A exemplo disso destacam-se os seguintes produtos: Caderno 10 matérias – No Stress (Capa Dura) 200 fls Capa 2012, sendo encontrado entre  R$ 22,90 e R$ 30,90 com uma variação de 34,93% e  Canetinhas 12 cores Faber Castell, com preços entre R$ 12,90 e R$ 21,90 refletindo uma variação de 69,77%.

A economia pode ser ainda maior quando o consumidor opta por produtos que não estejam ligados a “personagens que estão na moda”.  As formas de pagamento e os descontos também variam bastante entre os estabelecimentos que procuram facilitar para o cliente que compra um volume maior de produtos. Portanto, vale a pena pesquisar e negociar.

A pesquisa teve a participação dos alunos da Área de Negócios, de Graduação e Pós-Graduação da Toledo: Maria Luisa de Lima Pastorim, Edson Gomes Marcondes, Mayara Martins Bonfim, Rosilene Aparecida Hernandes, Mario Humberto Salvador Junior, Maíra Pegolaro Salione, Cleber Máximo da Silva e Gisele de Moura Santos, sob orientação do Economista Walter K. Dalari e da Supervisora de Prática Profissional Maria Lúcia Ribeiro da Costa.
 

Clique aqui e acesse a pesquisa completa.

Foto: Divulgação

ASSUNTOS
RELACIONADOS