Toledo é maioria em aprovação de concurso

19 | 08 | 2011
Assessoria de Comunicação Toledo Prudente
Assessoria de Comunicação Toledo Prudente

 Dos 40 aprovados em um concurso para Concurso Público para provimento de cargos de analista de promotoria I, 20 são da Toledo Presidente Prudente.
 
A processo seletivo foi composto por 3 fases, realizadas em meados de setembro e outubro de 2010, sendo que, até o momento foram convocados três dos aprovados.
 
William Roberto Alkema formou-se no ano de 2007 na Toledo Presidente Prudente. Aprovado, integrou a lista dos convocados em 2ª chamada e atua desde o mês de junho na sede do Ministério Público de Presidente Prudente, no Gaema, que é o Grupo de Atuação Especial de Defesa de Atuação Especial de Defesa de Meio Meio Ambiente.
 
“Trabalhamos cerca de 8 horas diárias, de segunda a sexta-feira, o ambiente de trabalho é bastante favorável e a área em que atuo é bastante importante, pois sabemos que o meio ambiente é algo extremamente necessário de ser defendido”, diz.
 
O diretor regional do Ministério Público em Presidente Prudente, Sérgio Takara explica que o analista de promotoria presta auxílio técnico-jurídico às atividades processuais e extraprocessuais do Ministério Público, entre outras atividades e tem salário inicial de R$ 3.747. “Para tal vaga é necessário que o candidato seja bacharel em Direito e já tenha sido aprovado no Exame da Ordem dos Advogados do Brasil”, diz.

Foto: William Roberto Alkema e outros egressos aprovados para o cargo de analista de promotoria I.
 

ASSUNTOS
RELACIONADOS