Toledo Prudente promove a 2ª edição do Fórum de Direito Internacional e Direitos Humanos

10 | 05 | 2023
Julhia Marqueti
Julhia Marqueti

O II Fórum de Direito Internacional e Direitos Humanos acontecerá nos dias 16 e 17 de maio, na Toledo Prudente. O evento, que é organizado pelos Grupos de Estudos e Competições de Direito Internacional e Direitos Humanos, tem como objetivo expandir os conhecimentos de toda a comunidade acadêmica. 

INSCREVA-SE

Aberto para todos os públicos, os principais temas abordados no evento serão: 

– Direitos Humanos; 

– Direito Internacional; 

– Direito Penal; 

– Processo Penal; 

– Tribunal Penal Internacional; 

– Direito de Imigração. 

O Fórum também terá apresentações de trabalhos científicos, lançamentos de obras e, claro, muito network. 

Vale lembrar que a inscrição para o evento é indispensável, assim como o pagamento da entrada para garantir de vez a vaga de cada inscrito. 

Segundo uma dos organizadores, Isabela Mendez Berni, o evento dará a oportunidade para que os presentes compreendam casos que foram importantes para a sociedade. 

“É uma excelente oportunidade para entender casos de grande repercussão, com profissionais nestes envolvidos, ainda sendo um momento para conhecer mais sobre o Direito Internacional e como ele influencia diretamente na vida de todos, bem como os impactos dele decorrentes na sociedade”, enfatiza, a organizadora.

Além disso, Isabela destaca outro ponto positivo para aqueles que participarão.

“O evento visa proporcionar importantes momentos de reflexão e aprendizado a respeito do mundo jurídico, além de fornecer ferramentas significativas, que contribuem para o desenvolvimento de competências que alimentam o currículo profissional e pessoal do participante”, finaliza, Isabela.

Fora todo o aprendizado, o evento proporcionará a presença de diversos food trucks no calçadão da Toledo Prudente, durante o intervalo, que estarão disponíveis para todos os alunos do Centro Universitário.


Programação

16/05  

07h30 – Credenciamento  

08h00 – Abertura com o professor Sérgio Tibiriçá;

08h30 – Palestras: “O agravamento do estado de coisas insconstitucional no sistema prisional brasileiro: a imediação da marca de 1 milhão de presos”, com Allana e Gine.

09h00 – Apresentação de trabalhos 

18h30 – Credenciamento 

19h30 – Palestra: Garantismo interconstitucional do sincretismo constitucional, com prof° Caíque Tomaz.

20h00 – Lançamento da coletânea “Sincretismo Constitucional”, com o prof° Caíque Tomaz.

21h00 – Palestra: Novas tendências do controle de convencionalidade das leis, com Valerio Mazzuolli

17/05 

08h00 – Credenciamento

09h30 – Palestra: Educação e bolsas internacionais antes e durante a guerra, com Dmytro Slinko.

10h00 – Apresentação de trabalhos

19h00 – A violência contra a mulher no contexto pandêmico brasileiro no período de 2020-2022, com Raissa Marcandelli.

20h00: Palestra: O Ministério Público no Combate às Organizações Criminosas, com Lincoln Gakiya.

Valores

Estudante Toledo Ouvinte – R$25,00; 

Estudante Toledo Autor de Trabalho – R$45,00;

Ouvinte Estudante de outras faculdades/pós – R$35,00; 

Estudante outras faculdades/pós – autor de trabalho – R$55,00; 

Profissional / Ouvinte – R$45,00; 

Profissional / Autor – R$65,00.

Os pagamentos poderão ser feitos com Cartão de Crédito/Débito e PIX.

Sobre os palestrantes:

Valerio Mazzuoli é pós-doutor em Ciências Jurídico-Políticas pela Universidade Clássica de Lisboa, doutor summa cum laude em Direito Internacional pela Faculdade de Direito da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, mestre em Direito pela Universidade Estadual Paulista – UNESP. Além disso, Mazzuoli é professor-adjunto de Direito Internacional Público da Faculdade de Direito da Universidade Federal de Mato Grosso – UFMT, professor do mestrado em Proteção dos Direitos Fundamentais da Universidade de Itaúna – UIT e membro efetivo da Sociedade Brasileira de Direito Internacional (SBDI) e da Associação Brasileira de Constitucionalistas Democratas (ABCD). 

Lincoln Gakiya – Promotor de Justiça no Estado de São Paulo há 30 anos, Gakyia integra o GAECO de Presidente Prudente há 14 anos, é promotor de Justiça de Execuções Criminais de Pres. Prudente há 14 anos e pós-graduado em Direito Penal pela Instituição Toledo de Ensino. Especialista em Interesses Difusos e Coletivos pela Escola Paulista do Ministério Público. Coordenou o Centro de Inteligência do Ministério Público de São Paulo, integrou o CIISP – Centro Integrado de Inteligência de Segurança Pública do Estado de São Paulo, a Força Tarefa da Segurança dos Grandes Eventos. Atualmente, coordena a “Força Tarefa X” do Ministério Público de São Paulo, responsável por grandes investigações ligadas à Organização Criminosa PCC. 

Gine Alberta Ramos Andrade Kinjyo é doutoranda pelo CEUB/ITE (Bauru/SP), mestre em Ciência, Tecnologia e Educação pela FVC (São Mateus/ES), especialista em Direitos Humanos e Contemporaneidade (UFBA/BA). Gine também é especialista em Direito Público, possui licenciatura em Pedagogia (UNEB/BA), bacharelado em Direito (FENORD/MG) e é advogada e sócia proprietária da Kinjyo Advogados Associados. 

Allana Regina Andrade Kinjyo é mestranda pelo CEUB/ITE (Bauru/SP), especialista em Direito de Família (ÚNICA/MG) e pós-graduanda em Direito Previdenciário e Processo Civil (ÚNICA/MG). Possui bacharelado em Direito (FASB/BA), é advogada associada da Kinjyo Advogados Associados. 

Dmytro Slinko é professor da Universidade de Negócios e Direito de Lviv, advogado e graduado com honras pela Academia Nacional de Direito da Ucrânia. É mestre em finanças pela Universidade Nacional de Economia de Kharkiv, doutorado em especialidade “processo penal e criminologia; exame forense; atividades operacionais e investigativas” pela Kharkiv National University of Internal Affairs. Autor de mais de 87 obras científicas, pedagógicas e científico-metódicas sobre direito penal, direito processual penal, direito penal-executivo, é autor de monografias sobre temas da atualidade do direito penal e processual penal.

Raissa Marcandelli – Mestranda em Sistema Constitucional de Garantia de Direitos pelo Centro Universitário de Bauru (ITE/Bauru). Pesquisadora do Grupo Mulher e Democracia: renda e justiça de gênero (IDP e Unichristus). Pesquisadora do Grupo Segurança Pública e Cidadania (Universidade Presbiteriana Mackenzie/SP). Membra do Núcleo de Estudos e Pesquisa em Direito Internacional (NEPEDI) da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ). Advogada.

Caíque Tomaz Leite da Silva – Doutor em Direito Público, com distinção, pela Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, com início da investigação no ano letivo de 2010/2011, extensão certificada pela Universidade de Harvard (“Justice”, by Michael Sandel), em 2020, e pela Universidade de Yale, em 2021 (“Moral Foundations of Politics”, by Ian Shapiro), e conclusão no ano letivo de 2020/2021, com arguição em provas públicas em 2022. Concluiu a Pós-Graduação em Direitos Humanos, em 2010, pelo Centro de Direitos Humanos da Universidade de Coimbra (Ius Gentium Conimbrigae), com 15 valores e é pós-graduado em Direito Civil e Processo Civil, em 2014, pelo Centro Universitário Antônio Eufrásio de Toledo de Presidente Prudente, summa cun laude. É professor catedrático e investigador coordenador no Centro Universitário Antônio Eufrásio de Toledo de Presidente Prudente, professor visitante na Escola Superior da Advocacia da Ordem dos Advogados do Brasil e professor visitante da Pós-Graduação do Centro Universitário Unitoledo de Araçatuba.